Notícias Câmara

Um requerimento do vereador Diego Alves (PP), solicitou a visita de representantes da Escola Estadual Tancredo Neves. A intenção do encontro foi de oferecer um espaço para que professora, gestora e estudante da instituição detalhassem suas participações em uma das edições do “Parlamento Jovem Catarinense”, coordenado pela Escola do Legislativo de Santa Catarina.

A participação da Escola Tancredo Neves foi possível por intermédio de um sorteio realizado no final do ano passado. No total, oito escolas de Santa Catarina e 40 alunos fizeram parte da 26ª edição promovida este ano. Depois do sorteio, a escola realizou uma eleição para que os estudantes do ensino médio escolhessem os representantes da instituição no Parlamento Jovem. Cinco candidatos foram eleitos, uma delas, foi a estudante Bruna Ximenes.

A estudante relatou durante a visita no legislativo chapecoense, que teve a oportunidade de ser uma das integrantes da mesa diretora do parlamento catarinense. “Foi muito produtivo porque conheci todo o trabalho realizado por um deputado e a importância que as suas ações têm para a vida das pessoas”, explica.

A professora Elisabete Dal Piva, disse que os cinco estudantes permaneceram em Florianópolis por uma semana, período em que receberam um vasto conhecimento sobre o papel do legislativo. “Aulas, encontros e muita informação. Foram sete dias muito valiosos e que proporcionou muito conhecimento aos alunos”, lembrou.

Já a gestora da escola, Franciele Ramos, disse que os estudantes eleitos, puderam se candidatar com alguns critérios estabelecidos. “Os candidatos tinham que ter pelo menos 75% de frequência nas aulas, ter boas notas ser ficha limpa na escola”. A gestora ainda complementou, sobre a importância da elaboração de leis, das discussões e votações que foram feitos pelos integrantes do “Parlamento Jovem Catarinense”.

Na Câmara de Vereadores de Chapecó, também existe um projeto de lei em discussão para que o município crie o “Parlamento Jovem Chapecoense”, programa semelhante ao “Vereador Júnior”, que foi realizado na cidade no período de 2003 e 2006.