Notícia destaque


A Câmara de Vereadores de Chapecó, reconheceu por meio de uma Moção de Parabenização, o trabalho da Polícia Civil, no combate ao tráfico de drogas, através da Operação Woodstock Condá. A moção, que foi aprovada por todos os vereadores é direcionada aos delegados e policiais civis da corporação de Chapecó. A proposição é de autoria do vereador Jatir Balbinot (PDT).

Na moção, Jatir Balbinot justifica que a Operação Woodstock Condá, se consagra como um dos maiores casos policiais de combate ao tráfico de drogas do país. “Esses profissionais merecem todo nosso apoio diante da contundência ao conduzir uma operação tão complexa”, lembrou o vereador.

A Operação Woodstock Condá, vem ocorrendo desde 21 de janeiro de 2018 sob o comando da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Chapecó no combate, especialmente, ao tráfico de drogas sintéticas. Ao longo das 10 fases, foram apreendidos mais de 10 toneladas de maconha e cocaína, mais de 1.100 comprimidos de MDMA, cerca de R$ 10 milhões, diversos carros e caminhões, além da prisão de 57 pessoas e do cumprimento de 109 mandados de busca e apreensão.

Com a aprovação do documento, a Moção de Parabenização será encaminhada ao delegado Regional de Chapecó, Ricardo Casagrande, ao delegado de Investigação Criminal, Rodrigo Moura e aos demais policiais civis da corporação de Chapecó, envolvidos na operação.