Notícia destaque

A Câmara de Vereadores de Chapecó, continua reduzindo gastos com medidas que são adotadas nos últimos meses e que vem trazendo resultados significativos. No comparativo anual da despesa liquidada de Janeiro a Maio de 2020, em comparação com o mesmo período do ano passado, a redução chegou a 0,5%. Com destaque para as passagens e diárias, que registraram redução nos gastos em até 94%. O levantamento foi feito pelo Setor de Contabilidade do legislativo.

No levantamento, são relacionadas todas as despesas com pessoal e encargos sociais, passagens, diárias, materiais, equipamentos e contratos terceirizados. No total de despesas, os destaques são as reduções de 94,44% em diárias, em 94% em passagens e 53% no valor de materiais de consumo. O maior incremento nas despesas neste período, foi a correção da folha de pagamento em 4,48%.

Em relação ao demonstrativo detalhado de despesas, quando também são inclusos custos com aluguel, condomínio e serviços diversos, a redução entre janeiro e maio deste ano é de 3,29%. Por direito constitucional, o legislativo chapecoense pode gastar até 6% do orçamento municipal, mas um projeto de lei de iniciativa dos vereadores, limitou o uso em até 3,5%. Mesmo assim, a Câmara de Vereadores utilizou apenas 2,3% neste período. O presidente da Câmara de Vereadores, Ildo Antonini (DEM), disse que várias medidas vem sendo feitas para reduzir gastos. “Até o fim do ano, suspendemos todas as diárias e reduzimos em 50% as verbas de gabinete”, destaca o presidente.